Ivan Tozzo

Ivan Tozzo (Foto: Reprodução)

LANCE!
05/12/2016
17:45
Chapecó (SC)

A CBF decidiu doar R$ 5 milhões à Chapecoense, como forma de auxílio ao clube após a queda do avião que vitimou 71 pessoas, entre elas jogadores, dirigentes e comissão técnica do time catarinense.

A medida foi anunciada pelo presidente em exercício da Chape, Ivan Tozzo, que ainda revelou a intenção da entidade de fazer um amistoso entre Brasil e Colômbia para arrecadar mais verba para o clube.

- A CBF vai doar R$ 5 milhões. Também deverá acontecer a realização de um jogo amistoso da seleção brasileira, ainda sem data marcada, para o início de 2017. Provavelmente será contra a Colômbia. E a renda seria destinada ao clube. É o melhor presente financeiro que poderíamos receber. Pode ser Maracanã ou até Chapecó. Imagine 80 mil pessoas no Maracanã? - disse Tozzo, em entrevista coletiva.

Em relação à última rodada do Brasileirão, o dirigente da Chapecoense avisou que, assim como o Atlético-MG, não pretende mandar time a campo.

- Será W.O. Emocionalmente não existe a possibilidade de jogo. O presidente do Atlético falou com a CBF que a ideia é essa. Não tem clima - disse Tozzo. 

Mesmo sem os dois times no gramado, que deve ser na Arena Condá, a CBF terá que enviar arbitragem para registrar as ausências e posteriormente homologar o resultado.