RADAR / LANCE!
01/11/2016
18:02
Rio de Janeiro (RJ)

A expectativa que marca os corações dos torcedores da reta final do Brasileirão ficou ainda mais intensa nesta 33ª rodada. Os debates são em torno de como a interrupção da série invicta na competição afetará o Palmeiras nas últimas rodadas.

Os especialistas do LANCE! fazem seus prognósticos em relação a como esta rodada pode afetar a competição, e o que esperar da reta final.

JOÃO CARLOS ASSUMPÇÃO - Colunista do LANCE!

Apesar da derrota, que não foi surpreendente, a rodada foi boa para o Palmeiras. Tem uma vantagem de cinco pontos em cinco rodadas, e isto não é pouco a esta altura do Brasileirão. A atuação do Santos no clássico também chamou atenção, assim como a do Flamengo.

Guerrero a cada dia que passa rende mais, e sua garra e determinação são de tirar o chapéu. Já os pontos negativos ficam por conta de São Paulo e Corinthians, ainda em crise e racha interno.

O São Paulo terá de trocar de goleiro e de técnico para o ano que vem. Já o Corinthians tem um Oswaldo de Oliveira que já chegou contestado e é um técnico ultrapassado.

Internacional e Cruzeiro seguem rendendo muito abaixo do esperado mas, na parte de baixo, três equipes já podem se considerar rebaixadas: Figueirense, América-MG e Santa Cruz. Falta só uma vaga, por enquanto mais para o Vitória.

EDUARDO MANSELL - Editor do LANCE!

A rodada trouxe poucas alterações na parte de cima da classificação, o que foi bom para o Palmeiras, apesar da derrota. Era uma rodada para o Flamengo tirar a diferença e não conseguiu grande coisa. Para o Santos foi importante assumir a terceira posição de olho na vaga direta na fase de grupos. O Atlético-MG está pagando o preço de estar disputando duas competições em alto nível.


Mesmo tropeçando em casa, o Botafogo se beneficiou de outros resultados e vem bem no G6. Pior para Corinthians e Fluminense, que desperdiçaram a chance de ganhar em casa. Na parte de baixo, o Internacional perdeu a chance de desgrudar do Z4 e pode sentir falta dos pontinhos perdidos para um virtual rebaixado em casa. Do Figueirense para baixo o destino parece definido e não é nada bom.