RADAR/LANCE!
10/10/2016
12:37
Rio de Janeiro (RJ)

Com jogos em três dias diferentes, a 29ª rodada do Campeonato Brasileiro chegou ao fim no último domingo, com duelos eletrizantes, lances marcantes e poucas alterações na tabela. 

Entre dribles, erros e acertos, o LANCE! elenca abaixo o inusitado de mais uma rodada da competição nacional. Confira:

CADÊ A COERÊNCIA, PROFESSOR?

Por estar vindo de derrota, o Grêmio entrou pressionado diante do Vitória. Logo no início, Henrique Almeida desperdiçou uma ótima oportunidade ao chutar completamente torto, o que não agradou nada Renato Gaúcho. O treinador tricolor "curtiu" tanto o arremate que atirou longe um copo com água. E o pior: pediu calma logo depois ao atacante. Apesar do lance, o Grêmio venceu por 1 a 0.

ASSIM NÃO, ZAGUEIRÃO!

Na derrota da Chapecoense para o Atlético-PR, por 3 a 1, o zagueiro Thiego se empolgou, estufou peito para tentar sair jogando, mas acabou perdendo o controle da bola e, por fim, teve que dar um bico daqueles para onde o nariz estava apontado. 

OLHA O GOL... SÓ QUE NÃO

Não foi desta vez que Gustavo marcou com a camisa do Corinthians. No empate em 0 a 0 com o Atlético-MG, o camisa 9 chegou a balançar a rede, porém o juiz marcou falta dele no zagueiro Gabriel, ao subir para cabecear, e invalidou o gol. Na ocasião, os corintianos reclamaram muito.

CADÊ A GALERA NA VILA?

Consolidado no G6 e ainda na briga pelo título do Brasileirão. Estes motivos não foram suficientes para os santistas irem à Vila Belmiro para o confronto diante do Fluminense, em que o Santos venceu por 2 a 1. Apenas 5 mil torcedores estiveram presentes, apesar de uma promoção de ingressos.

TEM QUE APLAUDIR

Não é novidade para ninguém que Diego Souza está voando no Sport. E foi do ar que surgiu o golaço de voleio do meia, que deu o empate em 1 a 1 contra o São Paulo. O lindo gol foi o décimo do camisa 87 no Brasileirão.

DANILO É O NOME DELE!!!

O goleiro Danilo Fernandes fraturou o nariz contra o Figueirense, mas seguiu treinando e enfrentou o Coritiba. No duelo contra o Coxa, elefez uma defesa incrível após cabeçada de Iago, pegou o pênalti cobrado por Juan pouco depois e teve ótima atuação. Nos últimos minutos, ainda viu Vitinho fazer de pênalti o gol da suada vitória colorada, por 1 a 0.

'ADIÓS, ZICA!'

Depois de um mês sem estufar as redes adversárias, Ábila enfim desencantou e voltou a marcar. Após o gol que abriu o caminho da vitória contra a Ponte Preta, por 2 a 0, o argentino se benzeu muito, não para menos, e agradeceu à torcida celeste.

VAIAS A UM ÍDOLO

Durante os 90 minutos da vitória do Flamengo sobre o Santa Cruz, por 3 a 0, a torcida rubro-negra vaiou muito Léo Moura, que entrou na justiça contra o ex-clube, onde foi ídolo e atuou por mais de dez anos. Era só o lateral-direito pegar na bola e... "Uhhh".

ASSIM O ESQUELETO SE DIVERTE

Quando o jogo estava empatado, Rafael Moura perdeu uma chance incrível de dar a vitória ao Figueirense diante do Botafogo. O atacante chutou de canela, quando a bola ficou limpa, já com o Sidão batido, após cobrança de escanteio. No fim, He-Man ainda viu seu time sair derrotado por 1 a 0. 

DENÍLSON, É VOCÊ?

No fim da primeira etapa, Róger Guedes esbanjou habilidade ao driblar quatro adversários do América-MG, perto da área, levando a torcida do Palmeiras à loucura. Além disso, o líder da competição venceu mais uma, desta vez por 2 a 0.