RADAR / LANCE!
01/08/2016
13:58
Rio de Janeiro (RJ)

O fim de semana quebrou uma escrita que incomodava o futebol carioca. Pela primeira vez desde julho de 2015, as torcidas de Fluminense, Flamengo, Botafogo e Vasco encerraram uma rodada comemorando vitórias de seus respectivos clubes de coração. Entre a 10ª rodada (tanto do Brasileirão quanto da Série B) e os atuais momentos, vieram mudanças de treinadores, de elenco e até acessos e descensos.

O gosto de alívio marcou a primeira vitória carioca naquele ano de 2015. Sob o comando de Celso Roth, o Vasco pressionava o Avaí para tentar se redimir do seu início pífio do Brasileirão em 1º de julho. Em jogo tenso em São Januário, a equipe contou com uma finalização precisa de Emanuel Biancucchi (que entrara no lugar de Jhon Cley) para estufar a rede e, com o 1 a 0, obter sua segunda vitória na competição, que levou a equipe ao décimo-oitavo lugar, com nove pontos.

Também lidando com o fantasma da zona de rebaixamento, o Flamengo de Cristóvão Borges teve dificuldades para medir forças com o lanterna Joinville fora de casa. Porém, após conter o ímpeto dos mandantes, Gabriel serviu Emerson Sheik, que marcou seu primeiro gol na nova passagem na Gávea e garantiu a vitória por 1 a 0, levando o Rubro-Negro à 15ª colocação, com dez pontos, em 1º de julho.

Em 2 de julho, foi a vez do Fluminense celebrar diante do Santos. Sob o comando de Enderson Moreira no Maracanã, a equipe viu Fred receber passe e abrir o placar no primeiro tempo. Ricardo Oliveira igualou na volta do intervalo mas, após uma partida acirrada, Lucas Gomes saiu do banco e garantiu o triunfo por 2 a 1 e a ida do Tricolor das Laranjeiras ao G4, com 20 pontos (dois a menos que o então líder, Sport).

Em jogo válido pela 10ª rodada da Série B, em 3 de julho o Botafogo coroou a rodada de vitórias cariocas. Contando com a inspiração do garoto Luís Henrique, que marcou duas vezes, a equipe à época comandada por René Simões viu Rodrigo Pimpão, com dois gols, e Carleto decretarem uma goleada por 5 a 0 sobre o Sampaio Correia. O triunfo levou o Alvinegro à liderança, com 23 pontos.