Léo Saueia
07/08/2016
13:00
São Paulo (SP)

Quando parecia finalmente disposto a confirmar a condição de líder pela segunda rodada consecutiva, o Santos viveu um drama em Belo Horizonte após a expulsão de Vanderlei e não suportou a pressão do lanterna América-MG: 1 a 0 no Horto. Assim, o Peixe jogou fora a oportunidade de encerrar o primeiro turno como líder e perdeu a chance de faturar o Troféu Osmar Santos, honraria dada pelo LANCE! ao vencedor da primeira metade da competição.

O Peixe perdeu a liderança para o Flamengo e pode cair até para quarto lugar, caso Palmeiras e Corinthians vençam seus jogos ainda nesta rodada. Já o América-MG, mesmo com os três pontos, segue na lanterna da competição, agora com 13 pontos.


O jogo começou e parecia apenas questão de tempo para o Peixe abrir o placar. Rodrigão teve a primeira chance dentro da pequena área após cruzamento de Copete, mas parou no goleiro do Coelho. Dois minutos depois, Vitor Bueno desperdiçou antes dos dez minutos a segunda - e última - chance alvinegra na primeira etapa.

A partir daí, o que se viu foram dois times extremamente apáticos. Sem velocidade na transição e mesmo com Lucas Lima (que levou amarelo e estará suspenso contra o Atlético-MG) de volta, o Santos simplesmente não criou. Desesperadamente precisando da vitória na luta contra a degola, o Coelho tampouco assustou a meta de Vanderlei.

Na segunda etapa, o mesmo enredo da primeira: jogo movimentado nos minutos iniciais. Vanderlei salvou chute de Michael e viu chute de Osman passar à sua direita. Depois, completamente sem intensidade das duas equipes, muito também devido ao calor na capital mineira.

O lance capital da partida veio aos 31 minutos: Santos cobra escanteio curto e sai jogando mal. Victor Rangel, em seu primeiro toque na bola no jogo, recebe lançamento e cava expulsão do goleiro Vanderlei. O lance gerou muita revolta dos santistas, principalmente do técnico Dorival Júnior.

Aos 45, último minuto de jogo desconsiderando os acréscimos, veio o castigo: Victor Rangel aciona Juninho na entrada da área e não dá chances a Vladimir. Com um a menos e pouco tempo para reagir, Peixe não suporta a pressão e cai no Horto. A liderança cai junto do Alvinegro...

AMÉRICA-MG 1 X 0 SANTOS

Local:
Estádio Independência, Belo Horizonte (MG)
Data-hora: 6/8/2016 – 11h
Árbitro: Pablo dos Santos Alves - PB (ESP)
Auxiliares: Luis Filipe Gonçalves Correa - PB (CBF-1) e Oberto Santos da Silva - PB (CBF-1)

Cartões amarelos: Gilson, Leandro Guerreiro (América-MG); Lucas Lima (Santos)
Cartão vermelho: Vanderlei (Santos)
Público e renda: Não divulgado
Gols: Juninho, 45'/2ºT (1-0)

AMÉRICA-MG: João Ricardo; Jonas, Sueliton, Alison e Gilson; Juninho, Leandro Guerreiro (Diego Lopes, 38'ºT), Matheusinho (Vitor Rangel, 30'/2ºT), Pablo e Osman; Michael (Danilo Barcelos, 23'/2ºT). Técnico: Enderson Moreira.

SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz, David Braz, Gustavo Henrique e Caju; Renato, Léo Cittadini e Lucas Lima (Jean Mota, 43'/2ºT); Vitor Bueno (Vladimir, 36'/2ºT), Copete e Rodrigão (Joel, 22'/2ºT). Técnico: Dorival Júnior.