Gabriel Carneiro
05/06/2016
21:27
São Paulo (SP) 

O São Paulo venceu o Cruzeiro por 1 a 0 com um gol de Ytalo, que fez seu primeiro jogo como titular da equipe. O ex-jogador do Audax acabou sendo o maior destaque da equipe. Do lado cruzeirense, a atuação foi toda apagada, sem nenhum brilho individual. Confira as notas: 

CRUZEIRO 

6,0
Fábio

Não teve papel determinante no resultado. Sem culpa no gol e sem grandes defesas importantes.

5,0
Lucas

Errou seis cruzamentos e ainda foi mal na contenção: Centurión teve muita liberdade por seu lado.

4,5
Bruno Viana

Um pouco perdido na marcação, apesar da saída de bola segura, com poucos erros de passe.

5,0
Bruno Rodrigo

Lento na recomposição e com muita dificuldade para dar botes e ganhar na corrida. Só rebatida!

4,0
Bryan

Acertou um número baixo de suas tentativas ofensivas e deixou espaço atrás. Não foi sua noite.

5,5
Henrique

Apagado. Cumpriu função defensiva com certa qualidade, mas não se arriscou e só tentou lançamentos.

5,5
Lucas Romero

Apesar de ter se complicado no lance do gol, foi o mais lúcido do meio de campo do Cruzeiro.

4,0
Robinho

Cinco perdas de bola, recordista de passes errados no Cruzeiro... Jogo bem abaixo da crítica no Mineirão.

4,5
Arrascaeta

Qualidade no primeiro combate, mas pouca inspiração na tomada de decisões. Muitos toques de lado.

5,0
Élber

Número excessivo de perdas de bola, atrapalhou a construção de jogadas da equipe. Ao menos tenta.

4,0
Willian

Não saiu de campo vaiado à toa. Não conseguiu prender a bola no ataque e não acertou um chute.

5,0
Riascos

Mais atitude e tentativas ofensivas do que qualquer outro homem do ataque do Cruzeiro. Erra demais.

5,5
Alisson

Circulou pela defesa do São Paulo sem levar grande perigo. Faltou infiltração, mas não se escondeu.

5,0
Douglas Coutinho

Simplesmente não apareceu. Não participou das jogadas de ataque e foi alvo fácil para a marcação.

5,0
Paulo Bento

Sofre para encontrar opções táticas, mais ainda com a má fase técnica de muitos de seus comandados.

Cruzeiro x São Paulo
Lugano foi titular neste domingo (Foto: Antildes Bicalho//Lancepress!)

SÃO PAULO

6,0
Denis

Nenhuma defesa chamou atenção, mas teve inteligência em alguns cortes e fez boa atuação.

6,5
Bruno

Errou 30% dos passes que tentou, mas apareceu de forma decisiva no lance do gol, com uma assistência.

6,5
Lugano

Dificuldade nos botes e coberturas, mas nada que comprometesse. Cortou importantes bolas rasteiras.

6,5
Maicon

Impecável pelo alto. Afastou boa parte dos excessivos cruzamentos do Cruzeiro e mostrou segurança.

5,5
Matheus Reis

Um pouco abaixo do nível de jogo dos companheiros de defesa. Não se arriscou à frente e errou atrás.

7,0
João Schmidt

Altíssimo nível. Poucos erros de passe, muitos desarmes e boa qualidade na ação ofensiva.

6,5
Thiago Mendes

Tem qualidade na marcação e na saída de bola e ainda contribui decisivamente para criar. Foi bem!

7,0
Kelvin

Muito participativo. Buscou bola, criou, apareceu em vários setores e levou perigo nas bolas paradas.

7,5
Ytalo

Gol de oportunismo e talento, com giro para cima da marcação e um chute preciso. Jogo inteligente.

6,0
Centurión

Aberto ou centralizado, arriscou e criou chances, mas teve muitas perdas de bola e pouca eficiência.

5,5
Alan Kardec

Arriscou apenas uma finalização, errada, e se escondeu no meio da marcação. Não brilhou no Mineirão.

6,0
Auro

Entrou bem. Arriscou de longe, deu combate na marcação e deixou pouco espaço para ação do rival.

6,5
Lucas Fernandes

Belíssimo passe não concluído por Kelvin, tabelas eficientes no setor ofensivo e criatividade. Entrou bem.

5,5
Luiz Araújo

Errou lance simples que rendeu ataque do Cruzeiro no segundo tempo, mas buscou jogo e atacou.

7,0
Edgardo Bauza

Elevado número de desfalques não atrapalhou a consciência coletiva do São Paulo. Também mexeu bem.