Russel Dias e Léo Saueia
13/10/2016
23:46
São Paulo (SP) 

O Santos venceu o São Paulo por 1 a 0 graças a um gol de Copete, mas boa parte do triunfo deve ser atribuído ao goleiro Vanderlei. Com boas defesas, ele foi um dos melhores em campo. Outros destaques foram o lateral Zeca e o são-paulino Robson. 

SÃO PAULO

5,0
DENIS

Apesar da defesa aberta, falhou no gol ao deixar o canto direito aberto, o mesmo acertado por Copete.

5,5
BUFFARINI

Tomou a iniciativa para cruzar e achar Robson. Defensivamente, errou passe e bote.

6,5
MAICON

Posicionou-se bem para atrapalhar Ricardo Oliveira e fez desarmes limpos e seguros.

6,0
RODRIGO CAIO

Não tão seguro como seu companheiro para trocar passes na defesa, mas também bem posicionado.

6,5
MENA

Soube a hora de certa de subir ao ataque e de permanecer na defesa. Acertou mais passes.

5,5
HUDSON

Como muitos, vítima de Lucas Lima no lance do gol. Deu passes mais curtos.

6,0
THIAGO MENDES

Se apresentou e tentou chamar a responsabilidade de armar, mas errou mais do que acertou.

5,0
WESLEY

Nem na marcação, nem na armação. Saiu vaiado pela torcida tendo ajudado pouco.

7,0
ROBSON

Criou as melhores chances do Tricolor. Se movimentou com frequência, mas não teve quem o acompanhasse.

6,0
CARLINHOS

Até sair lesionado, apareceu diversas vezes pela esquerda, mas não conseguiu acertar cruzamentos como devia.

6,0
CHAVEZ

Jogou longe de seus companheiros e não conseguiu acompanhar Robson. Perdeu chance clara de empatar.

6,0
KELVIN

Apareceu mais pelo centro do que pelos lados do campo, por onde está acostumado e deu bons passes.

6,5
CUEVA

Apesar de ter entrado tarde no jogo, fez diferença na criação, mesmo com pouco espaço.

6,0
JEAN CARLOS

Entrou para acelerar o ritmo, mas deu passes mais lentos e não aproveitou o momento do time no jogo.

6,0
RICARDO GOMES

Acertou ao colocar Robson desde o início e viu três volantes não darem conta do recado.

SANTOS

7,0
VANDERLEI

Fez duas defesas espetaculares que salvaram o Santos do empate. Foi um dos maiores destaques da equipe.

5,5
VICTOR FERRAZ

Teve dificuldades na marcação pelo seu setor e depois acabou substituído logo no início do segundo tempo.

6,5
LUIZ FELIPE

Partida enorme do zagueiro. Apesar do cartão amarelo no fim, ganhou quase todos os lances que disputou.

6,0
DAVID BRAZ

Muito bem na bola aérea e no desarme por baixo. Com a bola nos pés, contudo, arrisca muito e erra muitos passes.

7,0
ZECA

Salvou em ao menos dois lances que o adversário chegava com perigo. Defende muito bem e chega com qualidade.

6,0
THIAGO MAIA

Muita vontade e qualidade no desarme no meio-campo. Com a bola, ainda toma algumas decisões erradas.

6,5
RENATO

Dá boa proteção à defesa e tem enorme qualidade na saída. Faltou um pouco de cadência principalmente na etapa final.

6,0
LUCAS LIMA

Apagado no primeiro tempo, encontrou espaços no segundo e deu assistência para gol de Copete.

5,5
JEAN MOTA

Bastante acionado, criou pouco perigo. Em seu único lampejo, iniciou a jogada que terminou em gol de Copete.

6,5
COPETE

Depois de desperdiçar a melhor chance do jogo no primeiro tempo, finalizou bem para vencer Denis e marcar o gol.

6,0
RICARDO OLIVEIRA

Muito isolado, sofreu com a inofensividade do meio-campo. Quando acionado, causou perigo à defesa do São Paulo.

6,0
DANIEL GUEDES

Conseguiu diminuir a pressão do São Paulo pelo seu lado, mas no ataque conseguiu aparecer apenas uma vez.

5,5
YURI

Ainda não conseguiu emplacar uma grande atuação pelo Santos. Errou alguns passes que quase comprometeram.


NOGUERA

Pouco tempo em campo. Sem nota.

6,0
DORIVAL JÚNIOR

Apesar de mais uma vitória no San-São, Peixe foi muito apático. Não conseguiu impor a velocidade de costume.