Guilherme Amaro
18/06/2016
20:27
São Paulo 

O Santos tomou um gol nos últimos minutos, foi derrotado pelo Atlético-PR e viu interrompida uma série de três vitórias consecutivas. Na partida, o atacante Gabriel, o Gabigol, foi o melhor do time. Foi quem mais tentou criar e mandou uma bola na trave. Confira as notas e vote no duelo abaixo: 

ATLÉTICO-PR

6,0
Weverton

Mostrou segurança nas poucas vezes que foi exigido.

6,5
Léo

Conteve bem os avanços do Santos pelo seu setor e desarmou.

7,0
Paulo André

Apareceu no ataque para marcar o gol. Correto na defesa.

6,0
Thiago Heleno

Também não comprometeu na defesa.

5,5
Sidclay

Subiu ao ataque em várias oportunidades e deixou espaços atrás.

6,0
Deivid

Parou os santistas, com desarmes ou faltas no meio de campo.

6,0
Otávio

Também desarmou e não comprometeu nas saídas de bola.

6,0
Giovanny

Levou perigo em chute pela esquerda, mas perdeu muitas bolas.

6,0
Ewandro

Também não esteve em uma noite muito inspirada.

6,0
Walter

Movimentou-se bem, mas não conseguiu decidir. Sentiu a coxa e saiu.

6,0
André Lima

Incomodou a defesa, mas não teve chances para finalizar.

7,0
Vinícius

Entrou e infernizou, além de ter cobrado o escanteio no lance do gol.

6,5
Anderson Lopes

Também entrou bem e levou perigo pelo lado direito.

6,5
Pablo

Com menos de um minuto em campo, arriscou de longe e acertou a trave.

6,5
Paulo Autuori

Substituições melhoraram muito o time. Vitória suada.

SANTOS

6,5
Vanderlei

Ótima saída do gol para sair nos pés de Vinícius, que apareceu livre dentro da área. Nada pôde fazer no gol atleticano.

6,0
Victor Ferraz

Não conseguiu ser efetivo no apoio ao ataque. Na defesa, ganhou as jogadas dos adversários.

6,0
Luiz Felipe

Deu apenas uma bobeada em saída de bola. No restante dos lances, mostrou segurança e afastou o perigo.

6,0
Yuri

Jogou improvisado na zaga e mostrou qualidade nas saídas de bola. Chegou atrasado para marcar Paulo André no gol.

6,0
Zeca

Apareceu bem para travar chute de Vinícius. Subiu ao ataque, mas não conseguiu levar perigo.

6,0
Thiago Maia

Mais uma atuação correta. Ajudou a conter os avanços do Atlético-PR e fez a transição ao ataque com qualidade.

5,5
Renato

Participou da construção da maioria das jogadas ofensivas, mas errou muitos lançamentos

6,0
Léo Cittadini

Tentou movimentar-se para achar espaços, mas não esteve inspirado. Foi parado com faltas.

6,0
Vitor Bueno

Arriscou de longe e acertou a trave. Tentou as jogadas pelos lados, mas sem muito sucesso. Ajudou na marcação.

6,5
Gabigol

Foi o melhor do Santos em campo: movimentou-se, deu bons passes e quase fez um lindo gol, mas parou na trave.

5,0
Joel

Outra atuação apagada. Praticamente não pegou na bola e foi substituído no segundo tempo.

5,0
Paulinho

Estava na marcação de Paulo André no lance do gol, mas não subiu com o zagueiro adversário. Irrelevante no ataque.

5,5
Diogo Vitor

Entrou no lugar de Joel e também ficou escondido.


Alison

Jogou pouco mais de cinco minutos. Fica sem nota.

6,0
Dorival Júnior

Santos teve chances no primeiro tempo, mas parou na trave. Colocou quem tinha no banco e não mudou o panorama.