icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
23/08/2015
18:29

O ataque do Flamengo fez a diferença. A defesa do São Paulo entregou. Assim, o Fla bateu o Tricolor por 2 a 1, num Maracanã cheio. Alan Patrick deu as cartas e foi escolhido o melhor em campo. A dupla de zaga paulista, formada por Lucão e Luiz Eduardo, vacilou no Rio de Janeiro. Auro, que deu uma "assistência" para Guerrero marcar, idem. Confira as notas do LANCE!:

E MAIS:
> Guerrero acaba com jejum e Flamengo vence o São Paulo de virada
> Veja como foi o jogo lance a lance
> Confira como está a classificação do Brasileirão

FLAMENGO, por Alexandre Araújo

5,0
Cesar
Falhou no gol do São Paulo ao sair mal do gol após escanteio. Depois, recuperou-se e não comprometeu.

5,5
Pará
Ficou mais preso à marcação e chegou a ajudar. Quando foi ao ataque, foi pouco efetivo.

5,0
Samir
Teve parcela de culpa no gol do São Paulo ao marcar mal Luiz Eduardo. Caso parecido com o do goleiro Cesar.

5,5
Wallace
No início, se mostrou nervoso e cometeu algumas falhas, mas depois melhorou o rendimento.

6,5
Éverton
Improvisado na lateral esquerda, foi bem no apoio ao ataque, mas mostrou falhas na parte defensiva.

6,0
Márcio Araújo
Com Éverton na lateral, ficou com a função de cobrir o lado esquerdo e não comprometeu o sistema.

6,0
Canteros
Teve algumas falhas de posicionamento no início do jogo, mas depois conseguiu se encontrar em campo.

7,5
Alan Patrick
Melhor do Flamengo em campo. Soube distribuir o jogo e ainda enfiou várias boas bola para Guerrero.

7,0
Ederson
Fez um bom primeiro tempo, caindo com perigo pela direita. Aproveitou falha da zaga do São Paulo e fez o gol de empate.

6,5
Emerson Sheik
Foi tão perigoso quanto "fominha" no primeiro tempo. No segundo, quase marcou em duas oportunidades.

7,0
Guerrero
Perdeu duas chances claras, mas deixou o dele e garantiu a vitória do Flamengo. Isso que importa.

6,0
Paulinho
Voltou a ter oportunidade e não foi mal. Conseguiu participar de algumas jogadas de perigo no fim do jogo.

6,0
Luiz Antonio
Entrou com a proposta de segurar o ímpeto do adversário nos minutos finais e cumpriu a proposta.

7,0
Téc: Osvaldo de Oliveira
Téc: Mesmo com pouco tempo para trabalhar, conseguiu colocar uma formação equilibrada e saiu vitorioso.



 

SÃO PAULO

7,0
Renan Ribeiro
Com uma defesa como a do São Paulo, fica exposto ao bombardeio. Evitou que o placar virasse goleada.

5,0
Bruno
Não teve a efetividade para apoiar e oferecer uma saída à falta de criatividade da equipe. Discreto.

4,5
Lucão
Bastou ser pressionado para mostrar a habitual insegurança. Foi um dos que errou na cobertura do primeiro gol do Fla.

4,5
Luiz Eduardo
Apesar do gol, teve diversas falhas de posicionamento e foi mole na dividida com Guerrero no primeiro gol.

6,0
Michel Bastos
Precisou ficar mais postado na defesa no primeiro tempo, mas poderia ter apoiado mais. Foi mais agudo no fim.

4,5
Hudson
Um festival de passes errados no primeiro tempo. Perdido na marcação. Não achou seu lugar em campo.

4,5
Rodrigo Caio
Não teve sorte melhor que o companheiro na contenção. Parecia sem ritmo de jogo. Errou demais.

5,5
Thiago Mendes
Falhou bisonhamente no primeiro gol ao perder o tempo na disputa de cabeça. Conseguiu melhorar depois.

6,0
Carlinhos
Foi um dos poucos que não teve atuação horrorosa. Se apresentou bem na frente e deu a assistência para o gol.

4,0
Centurión
Não fez absolutamente nada. Arriscou meia dúzia de dribles inférteis, não abriu espaços e não conversou com Pato.

5,0
Alexandre Pato
Com a improdutividade de Centurión, ficou isolado no ataque, mas individualmente também não foi bem.

4,0
Auro
Na sua primeira participação, deu o gol de presente para Guerrero. Parece ter sentido e sumiu do jogo.

5,0
Wilder
Por enquanto mostra força de vontade. Brigou com a bola e não agregou presença física na área.

5,5
Wesley
Poderia ser um desafogo para pôr a bola no chão, mas pouco contribuiu para articular a equipe.

5,0
Téc: Juan Carlos Osorio
Não conseguiu fazer o time render, mas não pode fazer milagre com um time em desmanche diário.

O ataque do Flamengo fez a diferença. A defesa do São Paulo entregou. Assim, o Fla bateu o Tricolor por 2 a 1, num Maracanã cheio. Alan Patrick deu as cartas e foi escolhido o melhor em campo. A dupla de zaga paulista, formada por Lucão e Luiz Eduardo, vacilou no Rio de Janeiro. Auro, que deu uma "assistência" para Guerrero marcar, idem. Confira as notas do LANCE!:

E MAIS:
> Guerrero acaba com jejum e Flamengo vence o São Paulo de virada
> Veja como foi o jogo lance a lance
> Confira como está a classificação do Brasileirão

FLAMENGO, por Alexandre Araújo

5,0
Cesar
Falhou no gol do São Paulo ao sair mal do gol após escanteio. Depois, recuperou-se e não comprometeu.

5,5
Pará
Ficou mais preso à marcação e chegou a ajudar. Quando foi ao ataque, foi pouco efetivo.

5,0
Samir
Teve parcela de culpa no gol do São Paulo ao marcar mal Luiz Eduardo. Caso parecido com o do goleiro Cesar.

5,5
Wallace
No início, se mostrou nervoso e cometeu algumas falhas, mas depois melhorou o rendimento.

6,5
Éverton
Improvisado na lateral esquerda, foi bem no apoio ao ataque, mas mostrou falhas na parte defensiva.

6,0
Márcio Araújo
Com Éverton na lateral, ficou com a função de cobrir o lado esquerdo e não comprometeu o sistema.

6,0
Canteros
Teve algumas falhas de posicionamento no início do jogo, mas depois conseguiu se encontrar em campo.

7,5
Alan Patrick
Melhor do Flamengo em campo. Soube distribuir o jogo e ainda enfiou várias boas bola para Guerrero.

7,0
Ederson
Fez um bom primeiro tempo, caindo com perigo pela direita. Aproveitou falha da zaga do São Paulo e fez o gol de empate.

6,5
Emerson Sheik
Foi tão perigoso quanto "fominha" no primeiro tempo. No segundo, quase marcou em duas oportunidades.

7,0
Guerrero
Perdeu duas chances claras, mas deixou o dele e garantiu a vitória do Flamengo. Isso que importa.

6,0
Paulinho
Voltou a ter oportunidade e não foi mal. Conseguiu participar de algumas jogadas de perigo no fim do jogo.

6,0
Luiz Antonio
Entrou com a proposta de segurar o ímpeto do adversário nos minutos finais e cumpriu a proposta.

7,0
Téc: Osvaldo de Oliveira
Téc: Mesmo com pouco tempo para trabalhar, conseguiu colocar uma formação equilibrada e saiu vitorioso.



 

SÃO PAULO

7,0
Renan Ribeiro
Com uma defesa como a do São Paulo, fica exposto ao bombardeio. Evitou que o placar virasse goleada.

5,0
Bruno
Não teve a efetividade para apoiar e oferecer uma saída à falta de criatividade da equipe. Discreto.

4,5
Lucão
Bastou ser pressionado para mostrar a habitual insegurança. Foi um dos que errou na cobertura do primeiro gol do Fla.

4,5
Luiz Eduardo
Apesar do gol, teve diversas falhas de posicionamento e foi mole na dividida com Guerrero no primeiro gol.

6,0
Michel Bastos
Precisou ficar mais postado na defesa no primeiro tempo, mas poderia ter apoiado mais. Foi mais agudo no fim.

4,5
Hudson
Um festival de passes errados no primeiro tempo. Perdido na marcação. Não achou seu lugar em campo.

4,5
Rodrigo Caio
Não teve sorte melhor que o companheiro na contenção. Parecia sem ritmo de jogo. Errou demais.

5,5
Thiago Mendes
Falhou bisonhamente no primeiro gol ao perder o tempo na disputa de cabeça. Conseguiu melhorar depois.

6,0
Carlinhos
Foi um dos poucos que não teve atuação horrorosa. Se apresentou bem na frente e deu a assistência para o gol.

4,0
Centurión
Não fez absolutamente nada. Arriscou meia dúzia de dribles inférteis, não abriu espaços e não conversou com Pato.

5,0
Alexandre Pato
Com a improdutividade de Centurión, ficou isolado no ataque, mas individualmente também não foi bem.

4,0
Auro
Na sua primeira participação, deu o gol de presente para Guerrero. Parece ter sentido e sumiu do jogo.

5,0
Wilder
Por enquanto mostra força de vontade. Brigou com a bola e não agregou presença física na área.

5,5
Wesley
Poderia ser um desafogo para pôr a bola no chão, mas pouco contribuiu para articular a equipe.

5,0
Téc: Juan Carlos Osorio
Não conseguiu fazer o time render, mas não pode fazer milagre com um time em desmanche diário.