LANCE!
28/08/2016
18:47
Curitiba (PR)

Embora esteja distante da zona de rebaixamento, o cenário do Atlético-PR é de crise. O time vem de quatro derrotas seguidas e a torcida não vive clima amistoso com a diretoria, especialmente após a saída do atacante Walter para o Goiás. No último jogo na Arena da Baixada, a torcida protestou muito contra o presidente do Conselho Deliberativo, Mário Celso Petraglia, responsável pela saída do atleta, e contra alguns jogadores, principalmente o meia Marcos Guilherme.

O Botafogo, por sua vez, tenta se distanciar ainda mais do Z4, após as duas vitórias sob o comando de Jair Ventura. Bruno Silva volta ao time após cumprir suspensão e, por isso, Fernandes fica no banco de reservas. Quem não viajou foi o atacante Canales. Liberado para acompanhar um problema de saúde na família, ele ficou cinco dias no Chile. Como só voltou a treinar na quarta-feira, permaneceu no Rio para recuperar a forma ideal. Luis Henrique será opção no banco no lugar dele.

Local: Arena da Baixada, Curitiba (PR)
Data-hora: 29/08/2016, às 20h (de Brasília)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Auxiliares: Jorge Eduardo Vernardi (RS) e Lucio Beiersdorf Flor (RS)
Onde assistir: Sportv, Premiere e tempo real aqui no site do LANCE!
Parcial de ingressos: Não divulgado

ATLÉTICO-PR: Santos, Léo (Galhardo), Paulo André, Thiago Heleno e Sidcley; Otávio, Hernani, Juninho, Pablo e Yago; André Lima - Técnico: Paulo Autuori.
BOTAFOGO: Sidão, Luis Ricardo, Renan Fonseca, Emerson e Diogo Barbosa; Airton, Bruno Silva, Rodrigo Lindoso e Camilo; Neilton e Sassá - Técnico: Jair Ventura.

Desfalques do Atlético-PR: Weverton (Seleção Brasileira) e Nikão (lesionado)
Pendurados: Thiago Heleno, Paulo André e Marcão

Desfalques do Botafogo: Jefferson e Lizio (lesionados)
Pendurados: Emerson, Sassá, Diogo Barbosa, Fernandes, Renan Fonseca, Leandro e Anderson Aquino

PALPITÃO: O Atlético-PR é visto como favorito para esta partida na redação do LANCE!. Dos 22 jornalistas consultados, 14 apostam no Furacão neste confronto, enquanto quatro acreditam no Botafogo, e outros quatro falaram em empate.