HOME - Botafogo x Bangu - Campeonato Carioca - Salgueiro (Foto: Celso Pupo/Fotoarena/LANCE!Press)

HOME - Botafogo x Bangu - Campeonato Carioca - Salgueiro (Foto: Celso Pupo/Fotoarena/LANCE!Press)

LANCE!
12/04/2016
07:45
Rio de Janeiro (RJ)

Os desfalques e a exibição ruim no primeiro tempo diante do Bangu fizeram o técnico Ricardo Gomes tentar algo novo na segunda etapa: colocar dois atacantes e recuar Salgueiro, fazendo ele atuar como um meia. E o saldo da mudança foi positivo.

Apagado na primeira etapa, o uruguaio se destacou distribuindo o jogo no segundo tempo. Antes, ele estava jogando atrás de Ribamar, enquanto Gegê e Octávio caiam pelas pontas. Depois, com a entrada de Luis Henrique, foi recuado e jogou atrás dos dois homens de frente.

– O Salgueiro é bom jogador, tem boa visão, pode jogar mais adiantado ou no meio. Ele tem essa característica, é experiente, conhece bem a posição. Aí é uma escolha minha se ele vai jogar mais à frente ou na armação. Mas com dois mais à frente, ele teve mais liberdade na armação – admitiu o técnico Ricardo Gomes.

Desta forma, existe a possibilidade do comandante alterar o esquema tático da equipe para o próximo jogo, contra o Boavista. Ainda mais com Airton - que era peça chave da trinca de volantes - lesionado e Fernandes ainda dúvida. O último sentiu a coxa na vitória contra o Bangu.

Assim, o Botafogo voltaria a jogar com dois jogadores mais avançados. Com um aproveitamento ruim na frente - 20 gols em 15 jogos da temporada - o técnico Ricardo Gomes admitiu que a sua equipe tem ficado devendo no setor ofensivo:

– Isso é sequencia de trabalho, finalização, passes... Chegamos com pouca gente na área no primeiro tempo. Mas estávamos bem. Mas tivemos só duas oportunidades com o Salgueiro e uma com o Ribamar. Muito pouco. Vamos trabalhar isso com os atacantes para aumentar esse número de gols – completou.

Como não participou da pré-temporada alvinegra em Domingos Martins com o restante do elenco, Salgueiro é trabalhado com cautela, e o clube espera o melhor do jogador quando estiver começando o Campeonato Brasileiro, em maio.

Desde que chegou, o uruguaio já disputou nove jogos pelo Botafogo, ainda sem ter balançado as redes. Deu uma assistência, que foi para o argentino Joel Carli no empate em 2 a 2 no clássico contra o Flamengo.