Treino do Botafogo - Ricardo Gomes

Ricardo Gomes sabe que o Botafogo precisa de um centroavante experiente (Foto: Vítor Silva/SSPress/Botafogo)

Felippe Rocha
20/01/2016
19:58
Enviado especial a Domingos Martins (ES)

O ataque do Botafogo não decepcionou no jogo-treino contra o Rio Branco de Venda Nova. Foram sete gols, sendo que Luis Henrique e Ribamar marcaram uma vez cada um. Mas Ricardo Gomes não se ilude. O treinador explica a procura por um centroavante e garante que há nomes estrangeiros no radar. Algum deles deve ser contratado para ser o comandante de ataque do Glorioso no Campeonato Carioca.

- O que o Botafogo tem que ter: criatiividade, porque grana não tem. Nesta criatividade, nem sempre vai conseguir, pelo valor financeiro. Às vezes, temos um bom nome, às vezes ele foge por causa do valor. A situação financeira do clube vocês (jornalistas) conhecem tão bem como eu. Não vai chegar um grande nome, mas precisamos de um bom nome e não vai ser do Brasil. Temos dois, três nomes. Não podemos afirmar que vai acontecer. Temos um  departamento que trabalha muito, mas nem sempre consegue a boa negociação. Quero que aconteça antes do Carioca para termos Luis Henrique e Ribamar, mas sem peso - analisa.

Ribamar, que estava completando o elenco, está mesmo no elenco. Apesar da cautela do treinador, pela pouca idade (17 do titular e 18 do recém-promovido) dos centroavantes, ele conta com o centroavante que vem tendo bom desempenho  na pré-temporada. Tanto ele quanto o volante Matheus Fernandes estão definitivamente promovidos ao elenco profissional.

- Vai. Já está (na equipe, o Ribamar). A última parte do jogo-treino só tinha o Emerson Silva como não formado no clube. Todos formados no Botafogo, que tem bom trabalho de formação. Está efetivado, mas, no futebol, nós vamos até a página seis com certezas. Pelo que ele fez ate agora, sem a presença de contratado, tem condições sim - garante.