Rodrigo Lindoso

Rodrigo Lindoso assumiu a posição de primeiro volante para não mais sair do time (Foto: Vitor Silva/SSPress/BFR)

Felippe Rocha
16/07/2017
08:00
Rio de Janeiro (RJ)

É bastante provável que Gatito Fernández e Bruno Silva, ainda com problemas físicos, não estejam em campo nesta segunda-feira, assim como Victor Luís, suspenso. Diante do Sport, porém, o Botafogo terá a manutenção de parte da espinha versátil que tem comandado o meio-campo na temporada até aqui: Rodrigo Lindoso, João Paulo e Matheus Fernandes.

- Isso é muito bom. Qual treinador não quer um cara que joga na defesa, no meio, no lado? Machuca um, ele sabe que pode contar com outro. No campo, a gente se movimenta muito. É o diferencial da nossa equipe. O Bruno está fazendo gol, a gente está chegando na área - lembra Matheus.

Lindoso, Jair Ventura cansa de dizer, já foi camisa 10 do Madureira, e chegou no Glorioso como meia; João Paulo joga em diferentes funções, e Matheus Fernandes, com a bola ou tentando roubá-la, se tornou fundamental para a equipe alvinegra.

- Acho que, como todos já viram, mesmo com as mudanças, a qualidade não muda. O grupo está unido. É só entrar em campo e botar a bola no chão - acredita Matheus Fernandes.