Jefferson concedeu coletiva nesta quinta-feira em General Severiano

Jefferson concedeu entrevista coletiva nesta sexta-feira, em General Severiano (Foto: Vinícius Britto)

Vinícius Britto
21/04/2016
13:23
Rio de Janeiro (RJ)

Apesar do bom momento no ano e da confiança em torno do grupo, é consenso no Botafogo que será necessário reforçar o plantel para o Campeonato Brasileiro. Foi o que admitiu o goleiro e capitão Jefferson na entrevista coletiva desta quinta-feira, em General Severiano:

- Acaba sendo um pouco repetitivo. O Botafogo entrou desacreditado na competição, e o presidente conseguiu montar uma equipe competitiva no Carioca, que estamos chegando em uma semifinal. Mas todo mundo sabe que no Brasileiro é complicado, e é nítido que precisamos de mais algumas peças. Mas também precisamos ter os pés no chão, para fazer as contratações pontuais e sem fazer loucuras - lembrou o arqueiro botafoguense.

O clube já fez proposta por William Pottker, do Figueirense, e está na expectativa pelo acerto. Kleber e Alex foram outros nomes especulados, mas que perderam um pouco de força em General Severiano. E o goleiro fez questão de elogiar e ressaltar a qualidade de ambos:

- Eles somariam muita coisa. São jogadores que todos os clubes gostariam de ter. O Gladiador, o Alex... até mesmo os jogadores do Botafogo, quando se surge uma notícia dessas, ficam animados, sabendo que vão ter um espelho e ajudar. Aqui no clube, não tem vaidade. Quem chegar vai ajudar o Botafogo. Todos estão no mesmo barco. Resultado negativo vai estourar para todo mundo - afirmou o capitão alvinegro.

No domingo, o Botafogo entra em campo pela semifinal do Carioca, contra o Fluminense. E precisando da vitória, já que o empate classifica o rival. Desta forma, a receita, segundo Jefferson, é seguir a estratégia que será definida:

- Nós temos que fazer um jogo bem estratégico. Ser bem eficiente no que for fazer dentro de campo e aproveitar as oportunidades, porque sabemos que o empate favorece o time deles. Fizemos um grande jogo contra eles no primeiro turno. É usar como espelho para a semifinal - completou.