LANCE!
25/10/2017
07:30
Rio de Janeiro (RJ)

Do alto dos seus 1,90 m e com boas exibições, o zagueiro Igor Rabello, de apenas 22 anos, vive momento de alta com a torcida e com o mercado europeu. Esta semana, que mal começou, já é especial para o defensor do Alvinegro. Na última segunda-feira, ele subiu mais que Balbuena e marcou o gol da vitória de 2 a 1 sobre o líder, no Nilton Santos.

É o segundo tento do 'General' do Glorioso em 43 jogos, o primeiro pelo Brasileirão. Tudo acompanhado de perto por representantes do Anderlecht, gigante do futebol belga. Eles foram ao estádio observar o defensor, mas não houve proposta.

Talvez de longe, da Itália, Rabello tenha sido visto pelos dirigentes da Udinese, que devem estar mais motivados em tentar uma nova investida. A primeira, há um mês, foi de €3 milhões, o cerca de R$11,2 milhões. A oferta foi rejeitada pelo clube por ser um valor baixo. Depois, houve uma nova proposta. Esta 'sem colocar no papel': €4 milhões e igualmente rejeitada. O Botafogo não diz oficialmente, mas libera o atleta por €6 milhões (cerca de R$ 23 milhões).

O zagueiro também é alvo do futebol alemão. Dirigentes do Werder Bremem virão ao Brasil acompanhá-lo. O empresário do atleta, Anselmo Paiva, explica que um material com os melhores momentos de Rabello foi distribuído na Europa.

O curioso é que nenhum desses valores sequer chega perto da multa rescisória dele: € 10 milhões, o equivalente a R$40 milhões. O contrato dele com o Botafogo é válido até o fim de 2019.

Valioso?
Se for vendido pelos €6 milhões, Igor Rabello ainda terá um valor abaixo dos €10 milhões da venda do colega de posição, Dória, em 2014, para o Olympique de Marselha (FRA). Já o zagueiro Samir, ex- Flamengo, por outro lado, foi vendido no ano seguinte para a mesma Udinese por cerca de €4 milhões.