Gege

Gegê será um dos titulares do Botafogo na estreia do Carioca (Foto: Vitor Silva / SS Press) 

LANCE!
27/01/2016
15:04
Rio de Janeiro (RJ)

Muita sinceridade e sorriso estampado no rosto, assim foi a entrevista coletiva concedida por Gegê, que de opção em temporadas passadas passou a um dos titulares do técnico Ricardo Gomes em 2016. Com contrato renovado até o fim do Campeonato Carioca, o meia mostrou não ter papas na língua ao falar das críticas da torcida ao seu futebol e garantiu que não se preocupa em ser um ícone no Botafogo e que apenas quer jogar e mostrar o seu futebol.

- Não me preocupo em ser ídolo. Ídolo o Botafogo já tem, que é o Jefferson. Procuro ajudar o máximo que posso para fazer o Botafogo a vencer. O que me motiva é gostar do futebol. Gosto do que faço, independente do que falam. Não me preocupo com isso. Isso é natural. Acontece no futebol. Temos que nos acostumar com a pressão. Isso faz parte do amadurecimento do jogador. Faz parte desse processo. Não peço paciência à torcida. Posso até pedi para os mais jovens, que estão subindo agora. Mas, para mim, não precisa. Vou estar sempre concentrado no Botafogo - afirmou Gegê

O meia falou ainda sobre a sua renovação de contrato e revelou que um conversa com o técnico Ricardo Gomes fez toda a diferença para selar a sua permanência no Glorioso nesta temporada.

- Ano passado, em novembro, tive uma conversa com Ricardo Gomes. Ele disse que gostaria que eu ficasse. Conversamos sobre renovação. Acho que não tenho que provar nada para ninguém. Tenho que fazer o meu trabalho. As pessoas acham que tenho que provar alguma coisa. Só quero fazer o meu trabalho e jogar. Acho que o Ricardo Gomes acredita em mim - explicou Gegê.