Prefeito Eduardo Paes apresenta obras de adaptação do Engenhão e de seu entorno (foto:BETH SANTOS/Prefeitura do Rio)

Estádio Nilton Santos foi utilizado para futebol e atletismo na Olimpíada (foto:BETH SANTOS/Prefeitura do Rio)

LANCE!
25/10/2016
18:54
Rio de Janeiro (RJ)

O Estádio Nilton Santos foi devolvido ao Botafogo, ainda tem ajustes a serem feitos, mas um grande problema precisa ser resolvido para já. O local teve o fornecimento de energia elétrica cortado nesta segunda-feira, pela Light. Nesta quinta-feira, o departamento jurídico do clube terá uma reunião com a prefeitura para tentar resolver a questão. As informações foram publicadas primeiramente pela Rádio Tupi.

Ocorre que o Comitê Olímpico Internacional (COI) administrou o estádio no período olímpico e deixou uma dívida que supera R$ 1 milhão. Agora, a prefeitura está sendo cobrada, mas o Glorioso já voltou a administrar sua casa e tem show marcado para o mês que vem. A apresentação da banda americana Guns N'Roses, no dia 15, é o maior temor.

Naturalmente, o clube não quer arcar com o prejuízo que não lhe pertence. Essa, porém, não é a primeira vez que a luz do Engenhão é cortada. Em dezembro do ano passado houve a interrupção de fornecimento. Em 2014, a Cedae chegou a cortar o fornecimento de água.