Emerson (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)

Emerson se tornou um dos pilares da defesa do Botafogo neste Estadual (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)

Felippe Rocha
16/03/2016
12:37
Rio de Janeiro (RJ)

Além de ter colocado uma bola no travessão, o potente chute de Emerson, do Botafogo, quase encobriu o goleiro do Fluminense, Diego Cavalieri, no último domingo. A tentativa foi no segundo tempo, ainda do campo de defesa, e o zagueiro alvinegro lamenta ter ficado no "quase".

- Disseram que o Diego estava saindo do gol. Quando esperei mais um pouquinho, vi que ele estava saindo. É difícil, mas se conseguisse. Ia ficar marcado. Poucos gols foram assim, seria inesquecível - comenta.

Emerson fez o primeiro treino na Escola Naval, nesta quarta-feira. Assim como outros titulares, ele havia ficado em General Severiano nesta terça. O Glorioso vai passar um mês na área da Marinha.

A atividade desta manhã foi tática. Em três times de oito jogadores de linha, os atletas fizeram uma disputa em metade do gramado, com as equipes se enfrentando duas a duas. Não houve, portanto, maiores indícios do time que vai enfrentar o Madureira, neste domingo.