Gilson - Botafogo

Gilson é um dos reservas mais utilizados pelo técnico Jair Ventura no Botafogo (Satiro Sodré/SSPress/Botafogo)

Felippe Rocha
31/10/2017
12:03
Rio de Janeiro (RJ)

Titular na linha de meio-campo no último domingo, o lateral-esquerdo Gilson é um dos reservas mais acionados por Jair Ventura. Já são 37 partidas nesta temporada. Tanto que a renovação (o atual contrato vence em dois meses) está sendo negociada, conforme noticiamos em setembro. O jogador torce pelo acerto, já que gostaria de ficar e, para o ano que vem, a perspectiva é de ser ainda mais aproveitado no Botafogo.

- Na teoria, eu permanecendo devo iniciar como titular. Mas isso é tudo teoria. No futebol, as coisas mudam muito rapidamente. Esse ano, quando joguei na minha função, correspondi. Quando atuei como ponta, acredito que também cumpri o que me foi pedido. Se eu permanecer, vou buscar meu espaço para ser titular, respeitando o outro companheiro que vai buscar pela posição - diz.

A teoria da titularidade é pela iminente saída de Victor Luís. O titular da camisa 6 alvinegra pertence ao Palmeiras, que já afirmou contar com o jogador para a próxima temporada. Gilson, por sua vez, tem 31 anos, e afirma não ter recebido, pelo menos ainda, nenhuma proposta para mudar de ares.

- Meu representante quem resolve. Já deixei bem claro que minha vontade de permanecer é grande. Só espero poder terminar bem o ano, classificando novamente o time para a Libertadores. Se até lá estará tudo definido ou não, vamos esperar. Não chegou (outra) proposta. Normalmente elas surgem em novembro, mas estou bem tranquilo - garante.