Jonas

Jonas foi titular durante praticamente todo o Campeonato Brasileiro no Coelho (Foto: Divulgação/América-MG)

Felippe Rocha
29/12/2016
07:00
Rio de Janeiro (RJ)

A contratação de Jonas, firmada pelo Botafogo na noite da última terça-feira, foi mais do que a sexta investida concretizada para 2017. A chegada do ex-jogador do América-MG a General Severiano representa otimismo em relação às laterais do Glorioso para a próxima temporada.

Jonas tem 29 anos, atua pela direita e fez até gol no Alvinegro, no último Campeonato Brasileiro. Além dele, Jair Ventura terá a disposição Luis Ricardo - em processo final de recuperação pós-lesão - e, muito provavelmente, Alemão.

A diretoria do Botafogo garante já ter notificado o Bragantino de que vai exercer a opção de compra pelo jogador, que esteve emprestado no último semestre. Nas últimas semanas, houve tentativa de redução da quantia pré-definida e negociação pela forma de pagamento. Sem acordo, no entanto.

Mas a ideia é ter três opções experientes, já que não se sabe como Luis Ricardo voltará e o compromisso contra o Colo Colo, pela Taça Libertadores é no dia 1º de fevereiro. Do lado esquerdo, Gilson foi contratado para a vaga de Diogo Barbosa. Victor Luís, porém, deve ficar no Glorioso.

O Botafogo negocia com o Palmeiras para comprar parte dos direitos do atleta, que também esteve emprestado, este ano. O negócio deve ser concluído semana que vem, nos primeiros dias de 2017.

O lateral-esquerdo Victor Lindenberg ainda tem mais um ano no time de juniores, do qual é capitão, e não deve ser utilizado no time profissional em 2017. Já promovidos, Diego e Marcinho são opções para a direita, mas estão em baixa. O primeiro será emprestado. O segundo pode também ser meia.