Começa a era Ricardo Gomes no Botafogo. Técnico encontrou dificuldades no início

Com Ricardo Gomes, Botafogo não perdeu na primeira fase do Carioca (Foto: Cleber Mendes/LANCEPRESS)

Igor Siqueira
07/03/2016
10:00
Rio de Janeiro (RJ)

O cruzamento para a primeira rodada da segunda fase do Carioca, feito de acordo com a campanha dos times classificados, colocou dois rivais frente a frente logo de cara. Botafogo e Fluminense vão se enfrentar pela segunda vez na atual edição do Estadual. E, apesar de o Alvinegro ter levado a melhor por 2 a 0 no primeiro encontro de 2016, o técnico botafoguense, Ricardo Gomes, não quer se valer do retrospecto recente para cantar vantagem.

- A história desse clássico é muito mais importante do que o último jogo. O peso é muito maior. A história não é pequena - afirmou Ricardo, ressaltando o momento de transformação pelo qual passa o Tricolor:

- Vai ser a estreia do Levir. É um bom time, vai ser mais uma boa prova para o Botafogo. Fizemos uma boa campanha, isso ninguém esperava no início, nos deixou muito feliz, mas só até amanhã. O Fluminense tem jogadores técnicos, será um time em formação, mas em um clássico terá muita vontade.

O técnico do Botafogo ainda ponderou o fato de a sua equipe ter se dado bem na primeira fase por causa da preparação, e evita euforia.

- Foi determinante a parte física foi muito bem trabalhado. Tem que reconhecer o time organizado, mas isso é muito pouco para o ano. É um bom sinal, só isso. Não tem conclusão já no início de março - completou.

A Ferj divulga nesta segunda-feira a tabela da segunda fase, a Taça Guanabara, e vai confirmar se o clássico será sábado ou domingo.