Treino do Botafogo - Neilton

Neilton será utilizado pela primeira vez como titular nesta temporada (Foto: Vítor Silva/SSPress/Botafogo)

LANCE!
06/03/2016
09:08

“As oportunidades multiplicam-se à medida que são agarradas”, decretou, certa vez, o filósofo chinês Sun Tzu, bastante conhecido por ser o autor de “A arte da guerra“. E nesta batalha por uma vaga no time titular, alguns terão a chance de mostrar serviço ao comandante Ricardo Gomes, neste domingo, contra o Boavista. Já classificado para a segunda fase do Carioca, o treinador alvinegro deve escalar um time com diversos jogadores que, este ano, estão revezando entre o campo e o banco de reservas. Ou seja, para muitos, é a chance de agradar o técnico e concorrer a uma vaga entre os 11. O duelo, que acontecerá em São Januário, terá transmissão em Tempo Real pelo site do L!.

A tendência é que o Botafogo atue com Jefferson, Diego, Renan Fonseca, Emerson Silva e Jean; Dierson, Fernandes, Nuñez e Salgueiro; Ribamar e Neilton. Destes, atualmente, as exceções são o goleiro Jefferson, titular absoluto, e o atacante Ribamar, que está sendo escalado com uma maior frequência.

Na base da conversa, Ricardo Gomes tentou passar a importância desta partida para estes jogadores, mas, por outro lado, o treinador não esconde a preocupação em escalar uma equipe com muitos nomes que não vinham jogando juntos.

– Mais preocupação, time novo. É melhor dar chance com o time montado. Com o time novo, o papo é mais longo. Dou a chance, mas o time tem que ser organizado. Sem organização, é melhor não dar essa chance. Seria pegadinha. Por isso, todo cuidado, para que eles possam exercer da melhor forma – salientou.

Neilton, que retornou há pouco de uma grave lesão, é outro que será observado. Ele garante que está pronto para atuar durante todo o jogo e quer aproveitar os minutos em campo para impressionar o chefe:

– Venho trabalhando para isso (ganhar chance no time). Estou tranquilo, fazendo meu papel. A minha característica é mais de usar a velocidade, o drible, mas estou muito confiante e preparado para jogar os 90 minutos – ressaltou.

E a partida deste domingo não será essencial apenas para aqueles jogadores mais novos do elenco. O já experiente Salgueiro, de 32 anos, que chegou como grande contratação para este ano, também poderá mostrar que a expectativa da diretoria e da torcida não foram em vão.

Uma partida que, aparentemente, não vale muito para o rumo no campeonato, poderá ter um grande valor para Ricardo Gomes e boa par-te desses jogadores. Quem sabe, não pautando o restante da temporada?