Felippe Rocha
27/07/2016
21:32
Rio de Janeiro (RJ)

O Botafogo encarou o Bragantino com os titulares, até para evitar o risco maior de um vexame. A equipe se classificou para as oitavas de final da Copa do Brasil, mas isso não significa que tenha sido sem uma dose de drama. Foi só no final do jogo que Vinícius Tanque fez o gol que garantiu a vitória por 1 a 0, na noite desta quarta-feira.

Aos dez minutos, após cruzamento, Felipe não resolveu a jogada e Camilo pegou o rebote. O meia chutou rasteiro e a bola passou perto do gol. Aos 14, o mesmo Camilo cobrou falta no travessão, Canales tentou o rebote e Neilton fez o gol. Mas o chileno estava impedido o lance foi anulado.

A primeira e única investida com real perigo do Bragantino foi aos 19 minutos, com Tartá. O canhoto chutou de fora da área, mas nas mãos de Sidão. Aos 25, Neilton não conseguiu dar direção ao chute de primeira, após receber bom cruzamento da direita.

Na reta final do primeiro tempo, o goleiro Felipe evitou finalização de Camilo, aos 37 minutos. E a grande chance veio aos 45 minutos, com Canales, de cabeça. Sozinho, o chileno não passou por Felipe.

No segundo tempo, Camilo voltou a dar trabalho cedo. Com dois minutos, o camisa 10 pegou mal na bola, após cruzamento. Nos cinco minutos seguintes, o Glorioso teve dois gols anulados por impedimentos.

Ainda antes dos dez minutos, Camilo – sempre ele – foi deslocado no ar, dentro da área. Pênalti não marcado pelo árbitro. O Botafogo manteve a posse de bola no campo do adversário, mas não traduzia chances em gol. Por isso, Ricardo Gomes colocou Salgueiro na vaga de Bruno Silva.

Mas o Bragantino quem assustou. Aos 25 minutos, após cobrança de falta, Erick chutou forte, mas Airton se jogou no chão para evitar o gol. Dois minutos depois, Eliandro cabeceou perto do gol, assustando a torcida do Glorioso.

O Botafogo jogava bem, mas não acertava o alvo. Para isso, Vinícius Tanque entrou. Entrou, correu, recebeu, dominou e vazou e ignorou o goleiro Felipe, aos 35 minutos. Brilhou solitária a estrela do atacante.

FICHA TÉCNICA:
BOTAFOGO 1 X 0 BRAGANTINO
 

Data/Hora: 27/7/2016, às 19h30 
Local: Arena Botafogo, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira (MG) 
Auxiliares: Celso da Silva (MG) e Sidmar dos Santos Meurer (MG) 
Cartões amarelos: Bruno Silva, Airton, André Rocha, Daniel Pereira
Público e renda: 4.314 pagantes/ 4.839 presentes e renda de R$ 68.650,00.

Gol: Vinícius Tanque, aos 35'/2ºT.

Botafogo: Sidão, Luis Ricardo, Renan Fonseca, Emerson e Diogo Barbosa; Airton (Dierson, 44'/2ºT), Bruno Silva (Salgueiro, 19'/2ºT), Rodrigo Lindoso e Camilo; Neilton e Canales (Vinícius Tanque, 34'/2ºT) - Técnico: Ricardo Gomes.

Bragantino: Felipe, André Rocha, Cesar Gaúcho, Eder Lima e Bruno Pacheco; Daniel Pereira, Erick, Gabriel Dias (Watson, 42'/2ºT) e Tartá (Marcos Paulo, 38'/2ºT); Claudinho (Jobinho, 31'/2ºT) e Eliandro - Técnico: Marcelo Veiga.