Presidente Carlos Eduardo Pereira em visita ao Caio Martins (Vitor Silva / SSPress)

Presidente Carlos Eduardo Pereira em visita ao Caio Martins (Vitor Silva / SSPress)

Paulo Victor Reis
10/11/2015
05:05
Rio de Janeiro (RJ)

O Botafogo já estuda alternativas caso não possa mandar jogos no Caio Martins, em 2016, como planejava. O clube ainda não conseguiu levantar os recursos necessários para fazer uma reforma no estádio, e, por isso, começou a se mexer.

O Glorioso não poderá contar com o Estádio Nilton Santos em boa parte de 2016 devido aos Jogos Olímpicos e Paralímpicos. Sem o Niltão e com a dificuldade para fazer uma reforma no Caio Martins, o Botafogo terá de arranjar alguma opção para mandar jogos.

O Botafogo e a Prefeitura de Niterói chegaram a assinar um termo de cooperação para a revitalização do Caio Martins, em setembro, mas não houve muito avanço deste então.

Uma possibilidade que vem sendo especulada é do clube firmar uma parceria com Flamengo e Fluminense para fazer uma reforma e utilizar o Estádio Luso-Brasileiro, na Ilha do Governador, como já ocorreu em 2005. São Januário também aparece como opção, tendo em vista a boa relação com a diretoria do Vasco.