icons.title signature.placeholder LANCE!Bizz
icons.title signature.placeholder LANCE!Bizz
24/07/2013
16:26

O Sport Club Recife lançou, este mês, um livro comemorativo da conquista do título inédito da Copa do Brasil de 2008. O departamento de marketing do clube pernambucano informa que em duas semanas foram vendidos cerca de cinco mil exemplares. O livro, intitulado "Copa do Brasil 2008 - Há cinco anos, o Brasil era rubro-negro", surgiu de uma parceria do clube com a BB Editora, especialista em publicação sobre o futebol.

A história é narrada a partir do goleiro Magrão, ídolo do clube da Ilha do Retiro e um dos principais personagens do triunfo rubro-negro. O livro contou com a colaboração do jornalista Rafael Silvestre. A narrativa resgata a emoção de cada partida, passa pelo sofrimento da torcida do Leão durante a fase de classificação, e desemboca no apoio incondicional da torcida à equipe, desde a sua estreia contra o Imperatriz-MA, até a final contra o Corinthians. A obra aborda ainda alguns dos jogos memoráveis da equipe contra times de forte tradição, como Palmeiras, Internacional e Vasco da Gama.

O Sport Club Recife lançou, este mês, um livro comemorativo da conquista do título inédito da Copa do Brasil de 2008. O departamento de marketing do clube pernambucano informa que em duas semanas foram vendidos cerca de cinco mil exemplares. O livro, intitulado "Copa do Brasil 2008 - Há cinco anos, o Brasil era rubro-negro", surgiu de uma parceria do clube com a BB Editora, especialista em publicação sobre o futebol.

A história é narrada a partir do goleiro Magrão, ídolo do clube da Ilha do Retiro e um dos principais personagens do triunfo rubro-negro. O livro contou com a colaboração do jornalista Rafael Silvestre. A narrativa resgata a emoção de cada partida, passa pelo sofrimento da torcida do Leão durante a fase de classificação, e desemboca no apoio incondicional da torcida à equipe, desde a sua estreia contra o Imperatriz-MA, até a final contra o Corinthians. A obra aborda ainda alguns dos jogos memoráveis da equipe contra times de forte tradição, como Palmeiras, Internacional e Vasco da Gama.