Atacante Rodrigo Rodrigues, do Bahia (Foto: Divulgação/Bahia)

Atacante Rodrigo Rodrigues, do Bahia (Foto: Divulgação/Bahia)

LANCE!
04/03/2016
15:02
Salvador (BA)

Durante seus 85 anos de história, o Esporte Clube Bahia teve grandes artilheiros. Em um passado mais recente, jogadores como Uéslei, Marcelo Ramos e Nonato marcaram muitos gols e se destacaram com a camisa do tricolor. Na atual equipe sub-20, um jovem vem chamando atenção pelo mesmo motivo. Rodrigo, de 19 anos, é o principal goleador do estadual da categoria, com seis gols em apenas três jogos. Há dois anos, o centroavante já havia sido campeão e artilheiro do Campeonato Baiano Juvenil, estufando as redes adversárias 12 vezes.

No ano passado, Rodrigo também deixou sua marca em competições nacionais. Foi autor de quatro gols durante as disputas do Campeonato Brasileiro e da Copa do Brasil Sub-20, além dos seis tentos anotados durante o Campeonato Baiano Sub-20.

- Acho que estou no caminho certo. Tenho aproveitado muito cada competição da base, não importa a visibilidade, para amadurecer cada vez mais. Fico feliz de ter conquistado a artilharia do Baiano Sub-17 e estar mantendo o nível agora, no Sub-20, pois é isso que todos esperam de um atacante. Terei essa responsabilidade sempre e, caso tenha uma oportunidade no profissional, quero manter essa característica de goleador que venho mostrando dia a dia. Sei que ainda tem muita coisa pra acontecer, por isso sempre treino muito as finalizações para evoluir e ter condições de ir para o time de cima - contou.

Os gols de Rodrigo têm ajudado a equipe de base do Bahia a fazer uma campanha avassaladora no estadual deste ano. Com 100% de aproveitamento, dono do melhor ataque (18 gols) e da defesa menos vazada – ao lado do Colo-Colo – (1), o tricolor atropelou seus dois primeiros adversários. Na estreia, goleou a Catuense por 8 a 1 e, na segunda rodada, aplicou 8 a 0 no Galícia, fora de casa. Neste sábado (27), a vítima foi o Atlético de Alagoinhas. Vitória tranquila, pelo placar de 2 a 0.

- Penso que temos totais condições de conquistar o Baiano este ano. Começamos muito bem e somos o único time que ganhou todas até agora. Nosso grupo está bastante entrosado e todos estão ajudando, tanto o ataque quanto a defesa. Apesar desse início animador, nós precisamos manter o nível e não deixar o bom momento atrapalhar nosso foco. Ainda estamos no início da competição, temos grandes adversários pela frente e queremos ficar com o título dessa vez. No ano passado, fiz dois gols na decisão, mas ficou a tristeza de não ter sido o suficiente para ficarmos com a taça. Estamos trabalhando para ser diferente dessa vez, e eu possa não só marcar os gols, mas também festejar com meus companheiros quando acabar. Estou muito motivado, ainda mais por começar bem o campeonato e estar na artilharia. Mas, sem dúvida, o mérito não é só meu. Meus parceiros estão jogando muito e me ajudando a fazer cada um desses gols. A gente quer continuar assim e fazer uma bela campanha pra merecer ganhar o Baianão - afirmou o jogador.

Líder isolado do Grupo 2, com nove pontos, o Bahia visita o Atlético de Alagoinhas no próximo sábado (5), em jogo válido pela quarta rodada da fase de grupos do Campeonato Baiano Sub-20.