Goleiro Giovanni, do Atlético-MG, em partida pelo Campeonato Mineiro

(Foto: Bruno Cantini/Atlético-MG)

LANCE!
02/04/2017
10:45
Belo Horizonte (MG)

Giovanni assumiu a culpa pelo primeiro gol do Cruzeiro no revés do Atlético-MG, nesse sábado (1º), no Mineirão. O substituto de Victor garante que a finalização do meia-atacante de 32 anos era defensável.

O goleiro alvinegro assegura que poderia evitar a bola na rede de Thiago Neves e garante que o clássico válido pela 10ª rodada do Campeonato Mineiro foi um dia atípico para ele.

- Era uma bola defensável. Todo mundo sabe o nível de trabalho que venho faendo durante a temporada. A torcida do Atlético me conhece. Infelizmente, aconteceu em um dia ímpar. Agora é trabalhar para melhorar - afirmou Giovanni.