Tupi x Atlético-MG - Campeonato Mineiro

Galo venceu mais uma no Mineiro (Foto: Bruno Cantini/Atlético-MG)

LANCE!
20/03/2016
20:27
Juiz de Fora (MG)

O Atlético-MG segue à caça ao Cruzeiro no Campeonato Mineiro. A vitória sobre o Tupi, na noite deste domingo, por 3 a 0, no Estádio Radialista Mario Helênio, em Juiz de Fora, pela oitava rodada do Campeonato Mineiro, faz com que a equipe de Diego Aguirre se aproxime do arquirrival e tenha a possibilidade de recuperar a primeira colocação no próximo fim de semana, no clássico que será disputado no Independência.

O Galo chegou aos 17 pontos, três a menos que o seu principal oponente, e permanece na vice-liderança do regional. Um triunfo no duelo do próximo domingo recolocará o Alvinegro Mineiro no topo da tabela de classificação. O time da Zona da Mata, por sua vez, segue com nove pontos, dois a mais que o Boa Esporte, e na luta contra o rebaixamento. A equipe é a décima colocada do Estadual.

A primeira etapa se iniciou com domínio do visitante. Com boa posse de bola e várias trocas de passe, o Atlético chegou ao campo adversário com frequência. Liderado por Juan Cazares, o time de Diego Aguirre criou boas jogadas e, inclusive, não demorou muito para marcar. Lucas Pratto recebeu ótimo lançamento do equatoriano e bateu colocado, aos 15 minutos.

O Tupi até teve algumas oportunidades, mas todas em finalizações de longa distância. Willian arriscou da intermediária e exigiu uma intervenção impressionante de Giovanni. Vinícius Kiss também chegou a desperdiçar uma situação clara de gol.

Na volta do intervalo, o mandante cresceu na partida e passou a criar com mais frequência. O treinador atleticano optou por substituir Juan Cazares por Robinho. E, mesmo que o poder de criação não seja o mesmo, a equipe ganhou em poderio ofensivo.

Nos minutos finais, Vinícius Kiss acertou o rosto de Giovanni e o goleiro teve que deixar o gramado para a entrada de Uilson, terceiro reserva. Pouco tempo após a substituição na meta, Robinho recebeu um belíssimo lançamento de Carlos César, driblou Glaysson e fez o segundo do Galo.

E a noite era realmente do Rei das Pedaladas. Aos 50 minutos da etapa complementar, ele recebeu ótimo passe de Luan e, livre de marcação, mandou para o fundo da rede, fechando o 3 a 0.

FICHA TÉCNICA
TUPI 0 X 3 ATLÉTICO-MG


Local: estádio Radialista Mario Helenio, em Juiz de Fora (MG)
Data-hora: 20/3/2016 – às 18h30
Árbitro: Marco Aurélio Augusto Fazekas Ferreira (MG)
Assistentes: Felipe Alan Costa de Oliveira (MG) e Leonardo Henrique Pereira (MG)
Cartão amarelo: Rafael Jataí (Tupi); Rafael Carioca, Lucas Pratto, Tiago (Atlético-MG)

Gols: Lucas Pratto – 15’/1ºT (0-1); Robinho – 37’/2ºT (0-2); Robinho – 50’/2ºT (0-3)

TUPI: Glaysson; Osmar, Sidimar, Thiaguinho (Pirão – 13’/2ºT) e Fabricio Soares; Felipe Alves, Vinicius Kiss, Rafael Jataí e Willian; Hiroshi e Michel Henrique (Michel Douglas – 20’/2ºT). Técnico: Ricardo Drubscky.

ATLÉTICO-MG: Giovanni (Uilson – 35’/2ºT); Marcos Rocha, Leonardo Silva, Tiago e Carlos César; Rafael Carioca, Júnior Urso, Luan e Juan Cazares (Robinho – Intervalo); Clayton (Douglas Santos – 31’/2ºT) e Lucas Pratto. Técnico: Diego Aguirre.