Daniel Nepomuceno  se reuniu com a comissão técnica e os jogadores nesta segunda-feira (Foto: Divulgação)

Daniel Nepomuceno se reuniu com a comissão técnica e os jogadores nesta segunda-feira (Foto: Divulgação)

LANCE!
13/05/2016
19:24
Belo Horizonte (MG)

O Atlético-MG encaminhou, na tarde desta sexta-feira, uma reclamação formal à Conmebol contra o árbitro Wilmar Roldán, da Colômbia, por conta de sua atuação na partida de ida das quartas de final da Copa Libertadores da América, nessa quarta-feira (11), no Morumbi, diante do São Paulo.

Na ocasião, o juiz aplicou sete cartões amarelos para os comandados de Diego Aguirre. A atuação do colombiano irritou bastante o presidente Daniel Nepomuceno, que foi a público nesta sexta (13) para se queixar:

- Encaminhamos hoje essa reclamação formal, e pedi também esse encontro com os membros da Conmebol. Foi feito uma pressão desnecessária, e essa pressão funcionou. O árbitro apitou de maneira diferente lances iguais. Na próxima quarta-feira, a partida vai ser tensa. A comissão de arbitragem da Conmebol é de se elogiar. Tirando o jogo da semana passada, até então, não havia problema.

O ato do mandatário alvinegro é semelhante ao do Tricolor Paulista às vésperas do primeiro jogo. Na ocasião, a ação dos paulistanos foi vista como intimidação por parte da diretoria alvinegra.