LANCE!
26/02/2016
17:33
São Paulo (SP)

Em 1986, o Santos apostou em um jovem japonês de 18 anos que se formou nas categorias de base do Juventus-SP. Kazu passou por diversos times do país, sendo o primeiro jogador do Japão a atuar no Brasil. Atuou por Palmeiras, CRB, Coritiba, onde foi campeão paranaense, até retornar ao Santos em 1990.

Sem grande sucesso, voltou ao Japão para brilhar no Yomiuri, que depois se tornaria Verdy Kawasaki, onde jogou com grande brilho entre 1990 e 1998. Entrou em campo também pelo italiano Genoa e o croata Dinamo Zagreb. Em 2005, foi para o Yokohama FC, onde está em ação até hoje, aos 49 anos.

Pela seleção japonesa, disputou duas Copas da Ásia, sendo campeão do torneio em 1992. No ano de 1993, foi eleito o melhor jogador do Campeonato Japonês, e também o futebolista do ano da Ásia. Sua grande decepção foi não ter disputado uma Copa do Mundo.

Em 1994, apesar do grande brilho de Kazu, que marcou 14 gols nas Eliminatórias, o Japão ficou de fora do Mundial dos Estados Unidos. Nas Eliminatórias para a Copa de 98, o atacante marcou novamente 14 gols, era o grande nome de sua seleção, mas inexplicavelmente ficou de fora da lista final para o torneio da França.