LANCE!
19/11/2015
16:29
São Paulo (SP)

Desde que o Campeonato Brasileiro passou a ser disputado no sistema de pontos corridos, quase dois mil jogadores participaram das campanhas que rebaixaram clubes para a Série B. Alguns deles caíram mais de uma vez, 34 foram rebaixados três vezes e apenas um conseguiu o feito em quatro oportunidades e por clubes diferentes. Levamos em conta apenas atletas que entraram em campo, mesmo que por poucos minutos ou que tenham deixado o clube antes do término do campeonato.

Entre 2005 e 2009, o atacante Nunes, hoje no Botafogo-SP, jogou por Coritiba, Fortaleza, América-RN e Santo André, rebaixados para a segunda divisão do Brasileirão. Apesar do tetra, Nunes já ganhou a Copa do Brasil e o Catarinense em 2012.

Selecionamos nove atletas entre os 34 que foram rebaixados três vezes, como o goleiro Wilson, hoje no Coritiba, que luta para não igualar a marca de Nunes. O arqueiro caiu com o Figueirense em 2008 e 2012. Em 2014, foi rebaixado com o Vitória.

Outro que não quer igualar essa marca é o volante Cléber Santana, rebaixado por Vitória (2004), Atlético-PR (2011) e Criciúma (2014). Cléber Santana está na Chapecoense, que tem seis pontos de vantagem para o Z4.

Uma das promessas do Guarani, Dinélson foi contratado pelo Corinthians, mas nunca vingou. Pior, foi rebaixado com o clube em 2007 e também com São Caetano (2006) e Avaí (2011).

Campeão do mundo com a Seleção Brasileira em 2002, o volante Vampeta também caiu três vezes. A primeira foi em 2004 com o Vitória, clube que o revelou. As outras duas foram com Brasiliense (2005) e Corinthians (2007).

Atualmente no Grêmio, o lateral Marcelo Oliveira já viveu dias ruins no Brasileiro. Ele caiu com Corinthians (2007), Barueri (2010) e Atlético-PR (2011).

Segundo maior goleador da era dos pontos corridos, Paulo Baier não pode evitar as quedas com Sport (2009), Atlético-PR (2011) e Criciúma (2014). Outro artilheiro da lista é Rafael Moura, que participou das campanhas de Vitória (2004), Paysandu (2005) e Goiás (2010).

Fecham a lista Rodrigo Fabri, revelado pela Portuguesa e que jogou no Real Madrid, e Pedro Ken. Fabri caiu com Atlético-MG (2005), Figueirense (2008) e Santo André (2009). Já Pedro Ken, foi rebaixado com Coritiba (2009), Avaí (2011) e Vasco (2013). O jogador, no entanto, está perto de subir com o Vitória.

Foto 1: Nunes
Foto 2: Wilson
Foto 3: Cléber Santana
Foto 4: Dinélson
Foto 5: Vampeta
Foto 6: Marcelo Oliveira
Foto 7: Paulo Baier
Foto 8: Rafael Moura
Foto 9: Pedro Ken
Foto 10: Rodrigo fabri